segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Conversa com Ana Saldanha

Aconteceu no passado dia 24 de outubro, na Biblioteca Municipal de Santo Tirso, um encontro com a escritora e tradutora Ana Saldanha, no qual participaram os alunos do 7ºA do Instituto Nun'Alvres.

 
A escritora começou por pedir aos alunos que apresentassem as suas questões, mas pertinentes, e não questões que teria de "premiar" com a limpeza de umas quantas prateleiras da biblioteca.
 

Apaixonou-se pela leitura porque via a mãe e o avô materno a lerem completamente embebecidos. Começou a ler para perceber se era assim tão divertido como via que era para eles. E assim, a partir dos seis anos tornou-se uma leitora compulsiva.
 
 
As personagens e as situações retratadas nos seus livros são, muitas vezes, algo que vivenciou. Escreve para remediar e resolver situações, assim como para comemorar ocasiões específicas.
Tem algumas histórias na gaveta, à espera de serem terminadas para que possam, um dia, ser publicadas. Entre elas está uma que retoma uma personagem de outras histórias: a Dulce.
 
 
Mais ou menos meio metro
É quanto mede por fim.
Por pouco tempo, é certo...
Diz-me lá então a mim
Qual é a coisa, qual é ela?
(...)
A resposta à adivinha
tem quatro letras e é
Uma palavra sozinha.
Adivinhaste? 

O nosso João Nuno adivinhou!


Esta e partes de outras histórias foram lidas,  por Ana Saldanha, que imprimindo grande vivacidade à leitura e às respostas a todas as perguntas,  nos brindou com um momento extraordinário de encontro e promoção da leitura.
  
 
 

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Biblioteca Municipal

No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares

Comer a Língua| 15 de outubro

 

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Ler+Mar – Literacia do Mar | Francisco Lufinha no AE Tomaz Pelayo



No âmbito do Mês Internacional da Biblioteca Escolar e do Projeto Ler+Mar do AETP, recebemos na manhã do dia 16 de outubro o recordista mundial em Kitesurf Francisco Lufinha, que presenteou os alunos da Tomaz Pelayo e da S.Rosendo com a acção “Lufinha School Tour”
O entusiasmo dos alunos foi notório, quer na curiosidade do percurso do atleta, quer na Literacia do Mar. Francisco Lufinha partilhou com os alunos a sua enorme paixão pelo mar e, sobretudo, chamou à atenção para a importância do mar: visto do espaço, o planeta terra é azul! A Terra, que mais corretamente se deveria chamar Oceano, é o planeta mais especial do nosso sistema solar por albergar a vida tal como a conhecemos.
O oceano, que ocupa 70% da superfície do planeta, permite que exista vida na Terra e regula o clima e vários ciclos fundamentais, como o ciclo da água e o do carbono.
O oceano é, ainda, fonte de bens e serviços indispensáveis à humanidade, já que fornece oxigénio e alimento. 

A atividade finalizou com uma sessão de fotografias entre Francisco Lufinha, alunos e professores presentes e todos saíram cientes de quão importante é conservar o nosso mar.

Francisco Lufinha na Tomaz Pelayo
 Por Ana Rita Silva, Bruna Gomes, Maísa Moz e Margarida Silva

     No dia 16 da outubro, pelas 10:15, tivemos a honra de receber Francisco Lufinha na escola Secundária de Tomaz Pelayo, que nos elucidou sobre os aspetos principais do kitesurf e da sua experiência como recordista mundial.
    Esta visita surgiu como resposta a um convite feito pela Bibliotecas Escolares, Tomaz Pelayo e S. Rosendo.
   Kitesurf é um desporto aquático que consiste em deslocar-se com os pés apoiados sobre uma prancha e preso pela cintura a uma estrutura semelhante a um parapente. A deslocação é impulsionada pelo vento, o que permite mover-se a grande velocidade e fazer grandes saltos sobre o mar.
     A iniciativa – Portugal é Mar – surgiu quase como uma “aposta entre amigos”, quando pensou em ligar toda a costa do continente, de norte a sul. Lufinha arriscou e, em 2013, conseguiu ligar Porto a Lagos (564 quilómetros) em 29 horas. Isso valeu-lhe o título de recordista mundial masculino. Um ano mais tarde, em 2014, repetiu o desafio, desta vez entre as Ilhas Selvagens e a ilha do Funchal: foram 306 quilómetros em 12 horas. Em 2015, bateu o próprio recorde e em 48 horas percorreu 874 quilómetros, ao ligar Lisboa à ilha da Madeira.
     Francisco interagiu com os alunos apelando à proteção dos oceanos e incentivou que experimentássemos este desporto.

sábado, 21 de outubro de 2017

Biblioteca Municipal

No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares
Conversa com a Escritora Ana Saldanha
 




segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Comemoração do dia internacional da alimentação

Comemorou-se o Dia Mundial da Alimentação com a Nutricionista Ana Ferreira na Escola Básica de S. Bento da Batalha
Este dia celebra-se anualmente a 16 de outubro. O dia 16 de outubro marca o dia da fundação da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura, em 1945. A celebração do Dia Mundial da Alimentação foi estabelecida em novembro de 1979 pelos países membros na 20ª Conferência da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura. Neste dia realizam-se muitas atividades relacionadas com a nutrição e a alimentação, com a participação de cerca de 150 países, incluindo Portugal. Todos as atividades e informações podem ser encontradas no site da FAO.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

MIBE 2017

" As bibliotecas escolares desempenham um papel cada vez mais determinante na criação e dinamização de comunidades de leitores, de práticas e de aprendizagem, criando pontes e valorizando a diversidade cultural neste mundo globalizado". In RBE, MIBE, 2017

...ligando comunidades e culturas, no Instituto Nun'Alvres